27.3.06

noite escura

não sei que horas são
nem que dia santo
.
o tempo corre
e eu percorro a vida
a caminho da morte
.
enquanto houver luz
serei gente

6 comentários:

  1. Sempre há luz, mesmo tendo apagão as vezes.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Se ler com ironia o poema amarga.
    se ler com esperança o poema adoça.
    por que vc faz isso com o leitor? :))
    abraços
    Rubens

    ResponderExcluir
  3. Lucimar, você é luz!
    Astro luminoso que, com seus poemas, nos traz para a claridade.

    ResponderExcluir
  4. Será gente, será voz, será corpo e alma...será essa luz que irradia beleza e vida!
    dsclp a ausencia...
    estou estyudando mt e cada vez ms deixando o mundo dos bolgs de lado..
    bjs*

    ResponderExcluir
  5. Você meu amiguinho é simplesmente gente que sente, chora, ri, sofre e
    renasce simplesmente.
    Essa e a magia da vida!
    beijinhos carinhosos
    Marli

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...