Café com Poema



De manhã quando ponho
Minha mão sobre a sua,
Acordo de um sonho
E caio na rua...


Pra ganhar nosso pão
Alimentar a criança,
Alegrar o coração
E buscar a esperança.

21/06/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sono

A sombra da noite persegue meu dia soca meus olhos beija meu corpo afaga meu ego e se desfaz