24.2.06

O Fim

com um resto de esperança
o telefone ainda soluça
gemendo teu nome
mas ninguém entende
...
guardo o teu retrato
coberto de poeira e saudade
...
o tempo passa
mas aqui dentro há algo que fica
pra sempre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...