20.1.06

A Vida

A vida é muito curta
É só um suspiro de horas
Minutos e segundos que vão passando

Há em cada segundo uma vida
Uma vida para ser vivida

A vida é curta
A vida é breve e passa
Não cabe num poema a brevidade da vida

2 comentários:

  1. Olá, Lucimar, boa noite.

    Mas, que delícia! Tudo aqui é lindo, perfeito. Adoro micro poemas! Gostaria muito de conseguir escrevê-los, mas ainda estou aprendendo a escrever, então fico no meio termo entre o pueril e o nada.

    Voltarei sempre para ler essas belezas.
    Muito obirgada por sua visita no bloguinho pelo meu link ali naquela lista dos seus amigos. Estou muito lisonjeada.

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Querido Lucimar,
    Obrigada pela visita. Muito me honra que poetas gostem do meu blog. Volte sempre e parabéns pelo seu poema.
    Bjs

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...